Avisos Importantes
  • Ficou com alguma dúvida? Por favor, deixe nos comentários de algum post que farei de tudo para responder o mais rápido possível. Se estiver com dificuldade para identificar o sexo de seu periquito australiano, envie um e-mail com a foto do mesmo para terradosperiquitos@outlook.com
  • O blog está em manutenção no momento e pode aparentar estranho as vezes ou faltando alguma coisa, peço a compreensão de todos que logo estará tudo arrumado.
  • A página do Facebook do Terra dos Periquitos foi perdida e estou tentando recuperá-la, qualquer outra página com mesmo nome não é a página do blog.
  • A versão mobile do blog foi desabilitada para manutenção e estará novamente disponível em breve.
  • Att. Everton Santos

Mostrando postagens com marcador reproducao. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador reproducao. Mostrar todas as postagens

Por que seus periquitos não reproduzem? Eis a questão!

142 comentários:
Uma das mais frequentes dúvidas que recebo aqui no Portal não poderia deixar de virar um post, afinal este é um dos assuntos que mais podem intrigar um criador iniciante.

Várias pessoas acham que é só colocar um periquito macho e um periquito fêmea em uma gaiola com ninho e já irão começar a se reproduzirem no dia seguinte ou em uma semana, mas na prática descobrem que não é bem assim, você deve achar que esteja exagerando neste momento quando escrevo isto, mas não.



Se você é umas dessas pessoas que pensam assim, não se esqueça, periquito é um animal e não uma máquina que se programa para fazer tal coisa quando quer, é preciso ter paciência, pois pode ser um processo demorado.

Mas e aí? Afinal de contas por que seus periquitos não se reproduzem nunca?

Se você já tem um casal há algum tempo, existem alguns fatores que você tem que levar em consideração quando seus periquitos não reproduzem, um deles é o fato dos periquitos serem muito novos para isso, neste caso eles poderão levar vários meses para começarem a criar, tenha paciência.

Outro fator é a incompatibilidade do casal, como já disse no post Formando casais algumas fêmeas podem não aceitar o macho, é raro, mas acontece as vezes, daí tudo se complica e não irão criar mesmo. Neste caso é necessário que troque um dos dois e tente novamente, lembrando que irá demorar mais um pouco, até que esse novo periquito se adapte ao novo lar e também até que formem um casal.

Macho com macho ou fêmea com fêmea não irão se reproduzir, sei que isso parece besteira e que todo mundo sabe disso, porém já vi casais de fêmeas e casais de machos, não estou brincando, podem enganar bem, isso geralmente ocorre pela falta de um periquito do sexo oposto. Já recebi várias dúvidas perguntando se era casal ou não pois a fêmea sempre chocava e não nascia nada, quando dizia que não a pessoa ficava inconformada com aquilo. Fêmeas podem botar normalmente sem macho. Veja aqui como identificar o sexo de seus periquitos.

A infertilidade ou problemas de fertilidade do macho ou da fêmea também é considerado um fator. Se você tem certeza que seus periquitos são um casal e eles sempre tentam se reproduzirem, mas não adianta pois não nasce nada pode ser que seja isso. Neste caso, troque um dos dois e coloque outro para formar casal. Se trocou o macho e mesmo assim não nasceu nada o problema é com a fêmea, já se trocou a fêmea e nada mesmo o problema é com o macho.

Este foram os principais fatores que podem fazer com que seus periquitos não tenham se reproduzido ainda, no começo pode ser difícil mesmo, é completamente normal, não desanime.

Dica: Já tentou de tudo e seus periquitos não reproduzem mesmo, a fêmea até fica dentro do ninho, mas apenas "choca perna" e nada de ovos? Experimente tirar o ninho por algumas semanas, troque a gaiola de local, isso geralmente ajuda.
Continue lendo »

Cuidados na época de reprodução

197 comentários:

Existem alguns cuidados a serem tomados durante a época de reprodução dos periquitos australianos para que tudo corra bem com os ovos e filhotes. Abaixo serão listados os principais:

  • A caixa do ninho deve ser espaçosa o suficiente para comportar a mãe e os filhotes. Saiba mais em Ninho;
  • Faça ovoscopia nos ovos, a partir do sexto dia já é possível ver se o ovo está com filhote dentro ou não. Caso estejam todos gorados jogue-os fora para poupar energia da fêmea. Se não sabe como fazer ovoscopia, veja aqui;
  • Após o nascimento dos filhotes, procure checar o ninho apenas uma vez ao dia para ver se está tudo bem com os mesmos, ficar mexendo demais estressa a fêmea;
  • Limpe o ninho quando estiver muito sujo;
  • Jamais compre um novo casal de periquitos e coloque-os na mesma gaiola ou viveiro enquanto seu outro casal estiver com ovos ou filhotes, isso certamente acabará em morte dos filhotes ou quebra de ovos por parte da nova fêmea comprada;
  • Ofereça comida abundantemente, mais do que o normal já oferecido, afinal serão mais bicos para alimentar.
Continue lendo »

Formando casais

148 comentários:

A fêmea é a quem escolhe seu parceiro, se tem vários periquitos e quer que formem casais por sua conta basta coloca-los em um viveiro ou gaiola juntos. Já se quer formar um casal afim de conquistar determinadas cores e padrões nos filhotes, é preciso o isolamento total dos outros.

Há alguns casos que a fêmea não aceita o macho, geralmente isso é raro, caso aconteça é preciso troca-lo por outro. É necessário ficar sempre atento aos indícios, geralmente quando a fêmea aceita o macho como seu parceiro já começam o ritual de acasalamento, ela fica sempre atrás dele, ficam encostando os bicos, fazendo carinho e o macho a trata no bico.

Continue lendo »

Filhotes

49 comentários:

Enfim filhotes, após vários dias depois de a fêmea ter sentado pra chocar, para ser mais preciso, aproximadamente 18 dias, surgem os filhotes.

Estes, nascem com os olhos grudados com algumas penugens  sobre o corpo. Após 28 à 31 dias de dedicação dos pais, em seu trato, já é possível vê-los dando seus primeiro voos.

Continue lendo »

Ovos

216 comentários:
Muitas vezes nem todos os ovos estão galados, para descobrir isso não é preciso chamar nenhum profissional da área de veterinária, você mesmo pode realizar tal função.

Após seis dias que a fêmea tenha sentado para chocar, cuidadosamente vá até o ninho, abra-o, pegue um ovo e coloque na frente do sol ou luz. Repare-o bem, ovos que possuem filhotes, apresentarão veias já formadas e tom avermelhado, já ovos gorados ficarão brancos sem nada. Faça isso com os outros ovos.


Continue lendo »

Postura

97 comentários:

Os periquitos atingem a maturidade à cerca de 5 a 6 meses, mas o ideal para deixa-los se reproduzirem é a partir de 1 ano.

A fêmea bota os ovos em dias alternados e começa a chocar desde o primeiro que foi botado. A postura pode variar de 1 há 12 ovos. O normal é 6, caso a fêmea bote muitos ovos como no caso 12 é aconselhável que os reparta passando alguns para outra fêmea que tenha botado menos, isso faz com que sejam chocados adequadamente, evitando que gorem.

Mais uma pergunta paira no ar. Quantos ovos devo deixar para cada fêmea? No máximo 7 para cada.
Continue lendo »

Ninho

97 comentários:
Se quer que os periquitos se reproduzam adequadamente, tem que comprar um ninho, que seja capaz de caber a mãe, mais os filhotes lá dentro e que não fique apertado.
A caixa do ninho é formada por dois compartimentos, o esquerdo é onde serão depositados os ovos pela fêmea, no meio existe uma proteção para que os filhotes não saiam, já o direito o pai e a mãe assim que os filhotes estiverem maiores entram e ficam nele para tratar deles (filhotes).
Continue lendo »